15 de outubro de 2016

Crowndfunding desponta no Amazonas

Financiamento coletivo é realidade entre amazonenses que estão apostando em suas ideias

financasA polêmica campanha da hamburgueria ZeBeléo, do último vencedor do MasterChef Brasil Leonardo Young, chamou a atenção para as chamadas ‘vaquinhas virtuais’, mais conhecidas como crowdfunding ou financiamento coletivo. A proposta é arrecadar dinheiro de estranhos para investir em uma ideia. O investimento que, como qualquer outro, pode dar muito certo ou ser um fiasco, começa a ser conhecido no Amazonas.

No caso do cozinheiro amador e empresário Leonardo, a polêmica ocorreu depois que ele e os sócios Bel Pesce e Zé Soares tentaram arrecadar dinheiro, para uma hamburgueria, logo após o fim do MasterChef Brasil, vencido por ‘Léo’. Nas redes sociais, muitos taxaram a campanha de oportunista e ainda questionaram os brindes propostos no financiamento.

 

“O crowdfunding é uma forma de arrecadação onde todos os que se identificam com um projeto, iniciativa ou sonho, contribuem para que ele seja realizado”, explicou Candice Pascoal, fundadora e presidente da Kickante, uma das plataformas de financiamento coletivo no Brasil. Esta arrecadação pode ser para qualquer projeto, seja o lançamento de um livro ou o desenvolvimento de algum produto, ou até mesmo causas sociais, saúde, bem-estar, entre outros.

Para ver a matéria completa garanta esta edição da Revista PIM Amazônia, ou faça sua assinatura.