19 de julho de 2016

Fome de faturamento olímpico

ServiçosSetor de bares e restaurantes torce para que as Olimpíadas revertam parte das perdas deste ano, mas está investindo bem menos do que na Copa.

A realização das primeiras Olimpíadas no Brasil traz algum alento aos proprietários de bares e restaurantes de Manaus. Programado para agosto, no Rio de Janeiro, o evento máximo do esporte amador terá jogos também em cinco outras cidades brasileiras: São Paulo, Belo Horizonte (MG), Salvador (BA), Brasília (DF) e Manaus (AM).

A torcida é que as seis partidas de futebol feminino e masculino previstas para a Arena da Amazônia Vivaldo Lima ajudem a trazer mais turistas à capital amazonense e reverter as perdas do segmento, que viu parte de sua clientela sumir no primeiro semestre de 2016, principalmente nos estabelecimentos noturnos.

Mas, há quem demonstre ceticismo em relação ao potencial das Olimpíadas para alavancar os negócios e lembre que, apesar das projeções positivas iniciais, a Copa de 2014 gerou perdas de até 30% nas vendas do setor naquele ano.

Para ver a matéria completa garanta esta edição da Revista PIM Amazônia, ou faça sua assinatura.