22 de outubro de 2014

Influência inglesa

Por Jhemisson Marinho

 

Envolvidas em recente polêmica no mundo do futebol, Inglaterra e Manaus têm relações mais estreitas no campo da economia – de amor e ódio. Atualmente, o País europeu é apenas o 19º em investimentos estrangeiros no parque fabril manauara, conta com seis companhias na cidade e vem ampliando o aporte na cidade nos últimos cinco anos.

 

A influência inglesa na economia da capital amazonense já foi maior, há mais de cem anos, quando a nascente indústria automobilística mundial demandava a borracha para a fabricação de pneus. Na época, companhias do país europeu, assim como de outros gigantes da economia internacional, fizeram volumosos aportes financeiros na cidade, como o Porto de Manaus, o Rodway.

 

Em meados do século XIX, foram os próprios ingleses quem levaram sementes de seringueiras para suas colônias e posteriormente forçaram a queda no preço da borracha no mercado internacional, minando a economia local.

 

Para ver a matéria completa garanta a sua Revista PIM! Já nas bancas.